A VIDA TEM SENTIDO?

FELICIDADE

O sentido da vida está associado a sentimentos de harmonia e felicidade; sem felicidade a vida perde sentido. A felicidade está no centro das nossas vidas e da nossa procura de sentido para a vida.

Não sei se o Universo, com as suas inumeráveis galáxias, estrelas e planetas, tem algum sentido mais profundo, mas é muito claro que nós, humanos que vivemos nesta Terra, nos defrontamos com o objectivo de uma vida feliz.
Dalai Lama, líder político e espiritual tibetano, Voices from the Heart

O propósito da nossa prática espiritual é preenchermos o nosso desejo de felicidade. Todos somos iguais no nosso desejo de sermos felizes e de ultrapassarmos o sofrimento.
Dalai Lama, líder político e espiritual tibetano, Voices from the Heart

Quando a felicidade falha, a existência torna-se uma louca e lamentável experiência.
George Santayana, 1863-1952, filósofo americano, The Life of Reason 

Não será justamente a felicidade o que todos querem, sem excepção? 
S. Agostinho, 354-430, teólogo e filósofo do cristianismo, Confissões

Quando te procuro, meu Deus, estou à procura da felicidade. Procurar-te-ei para que a minha alma viva, porque o meu corpo vive da minha alma, e a minha alma vive de ti. 
S. Agostinho, 354-430, teólogo e filósofo do cristianismo, Confissões

AMOR E AMIZADE

Uma vida sem amor e sem amizade é uma vida sem sentido. O sentido da vida é, em grande parte, dado pelo amor e pela amizade.

A vida é semeada por esses milagres que só as pessoas que amam podem esperar.
Marcel Proust, 1871-1922, escritor francês, À Sombra das Jovens Raparigas em Flor  

Apenas há uma forma de se ser feliz na vida: amando e sendo amado.
George Sand, 1804-1876, escritor francês, Carta a Lina Calamatta

Apenas a alma que ama é feliz.
J. W. Goethe, 1749-1831, escritor alemão, Egmont

A amizade avança dançando à volta do mundo, proclamando a todos nós a necessidade de louvarmos a vida feliz.
Epicuro, 341-270 a. C., filósofo grego, Sentenças vaticanas

De todos os bens que a sabedoria nos faculta como meio de obter a nossa felicidade, o da amizade é de longe o maior. 
Epicuro, 341-270 a. C., filósofo grego, Sentenças principais

SAGRADO, MAGIA, SONHO

A partilha do sagrado e a magia dão ao homem um mundo superior e fantástico, que pode ser fonte de felicidade e de sentido; do mesmo modo, o sonho e até o mito e a ilusão, são fonte de consolo, de esquecimento, de superação de angústia, e, portanto, nessa perspectiva, são factor de sentido para as nossas vidas

Para o homem primitivo o universo físico das rochas, árvores, rios e montes resplandecia de significado. O mundo material era considerado vivo e belo e proporcionava um palco sagrado aos seres humanos e às suas actividades.
Anne Bancroft, autora inglesa, Origens do Sagrado

A vida do homem primitivo (…) era rica e cheia de significados. Existia a possibilidade de uma experiência directa com o divino a muitos níveis, o que dava significado e impressões hoje sem sentido e triviais.
Anne Bancroft, autora inglesa, Origens do Sagrado

Religião, mitologia e magia trazem grandes Garantias e grandes Consolos, que minimizam a fortíssima angústia existencial do ser humano e temperam as suas tragédias.
E. Morin, sociólogo e filósofo francês, Método V

O mito fortifica o homem, ocultando-lhe a incompreensibilidade do seu destino e preenchendo o nada da morte.
E. Morin, sociólogo e filósofo francês, Método V

O ser humano está entregue à crueldade do mundo. Daí a necessidade de um compromisso, que se obtém mobilizando o mito para encontrar os confortos sobrenaturais, mobilizando o imaginário para nele abrigar a alma e mobilizando a estética e a poesia para viver plenamente a realidade.
E. Morin, sociólogo e filósofo francês, Método V

DEUS

Para o pensamento religioso o sentido da vida está estreitamente associado a Deus, à magia, ao sagrado.

Quando te procuro, meu Deus, estou à procura da felicidade. Procurar-te-ei para que a minha alma viva, porque o meu corpo vive da minha alma, e a minha alma vive de ti. 
S. Agostinho, 354-430, teólogo e filósofo do cristianismo, Confissões

Sem Deus, o conhecimento da miséria humana é desesperante.
B. Pascal, 1623-1662, filósofo, físico e matemático francês, Pensamentos   

Sem afectividade e subjectividade, perder-se-ia o sentido da existência, e ficariam apenas leis, equações, modelos, formas.
E. Morin, sociólogo e filósofo francês, Método V

Não existe nenhum homem bom sem Deus: poderia alguém, sem a sua ajuda, elevar-se acima da sorte?
Séneca, 4 a.C.-65 d. C., filósofo romano, Epístolas a Lucílio

Tu és a própria Verdade, ó meu Deus, minha luz, saúde do meu rosto. Todos querem essa via, a única feliz, essa alegria que se origina na verdade.
S. Agostinho, 354-430, teólogo e filósofo do cristianismo, Confissões

Não há salvação fora da igreja.
S. Agostinho, 354-430, teólogo e filósofo do cristianismo, De Baptismo contra Donatistas  

O SENTIDO COMO CRIAÇÃO DA MENTE HUMANA

Para o pensamento laico, é o homem que fixa o sentido da vida, por via das suas opções e valores. Os sentidos (ou a falta de sentido) são criações puramente humanas.

O homem está abandonado na Terra, no meio das suas infinitas responsabilidades, sem ajuda, sem outros objectivos que não os que ele estabelece a si mesmo.
Jean Paul Sartre, 1905-1980, filósofo e escritor francês, Being and Nothingness

A vida nada é até ser vivida. Mas cabe-te a ti dar-lhe um sentido, e esse sentido nada mais é do que o sentido que lhe dás.
Jean Paul Sartre, 1905-1980, filósofo e escritor francês, Existentialism is a Humanism 

O homem é o artífice da sua própria felicidade.
Henry D. Thoreau, 1817-1862, ensaísta americano, Journal  

A vida tem o sentido que lhe damos. Tem a nossa riqueza, o nosso entusiasmo, o nosso orgulho... Ou a nossa covardia.
Miguel Torga, 1907-1995, escritor português, Diário XII

Não tenhas medo da vida. Acredita que a vida vale a pena, e a tua crença ajudar-te-á a criar esse facto.
William James, 1842-1910, filósofo norte-americano, The Will to Believe

O homem é o único animal para quem a existência é um problema que ele tem que resolver.
Erich Fromm, 1900-1980, psicanalista e psico-sociólogo alemão, Man for Himself  

O ignorante menospreza o bem que temos entre mãos, até lho tirarem.
Sófocles, 496-406 a. C, poeta trágico grego, Ajax

O SENTIDO DA VIDA É GENÉTICO

Alguns autores sublinham o carácter instintivo associado ao sentido que atribuímos à vida. O sentido da vida está dentro de nós: é genético e pulsional e ultrapassa as envolventes culturais e sociais

O desejo de viver, existe inteiro e indiviso em cada ser, mesmo no mais insignificante.
Arthur Schopenhauer, 1788-1860, filósofo alemão, Parerga e Paralipomena

Viver é como amar: nenhuma razão o sustenta, só o instinto o apoia.
Samuel Butler, 1835-1902, romancista inglês, Notebooks

A felicidade não é um ideal da razão mas sim da imaginação.
E. Kant, 1724-1804, filósofo alemão, Fundamental Principles of the Metaphysics of Ethics 

Se não estivéssemos interessados em nós mesmos, a vida seria tão desinteressante que não a suportaríamos.
Arthur Schopenhauer, 1788-1860, filósofo alemão, O mundo como vontade e como representação

Ver Ensaio/Comentário
A Vida tem sentido?

 

 

 

Topo